Eduardo Salvio, jogador da equipa argentina Boca Juniors e Lucas Martínez Quarta, jogador da equipa argentina River Plate são rivais em campo, contudo uniram forças no combate à COVID-19, doando cada um deles a camisola que usaram na Copa Libertadores para serem transformadas em máscaras de proteção para profissionais de saúde que trabalham nos hospitais a cuidarem de pacientes com coronavírus.

Este é uma iniciativa que tem o nome de “TU CAMISETA, UN PEDAZO DE ALEGRÍA” (traduzido, “A tua camisola, um pedaço de alegria”), tem como objectivo “levar um pouco de carinho e apoio às pessoas que trabalham em hospitais e centros de assistência da COVID-19, para que sejam usadas decorativamente no seu uniforme de trabalho e gerarem empatia entre médicos e pacientes, trazendo alegria para aqueles que mais precisam neste momento.”, pode ler-se nas publicações de ambos.

Cada camisa é transformada em 12 máscaras!

O seu gesto já inspirou muitos outros profissionais do desporto, tal como Adolfo Julián Gaich, jogador da equipa argentina San Lorenzo de Almagro, que decidiu também doar uma das suas camisolas.

Sem dúvida um gesto que fará toda a diferença para aqueles que lutam diariamente para travar este vírus que já levou tantas vidas.

VEJA TAMBÉM




COMENTÁRIOS




Sábias Palavras
Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!