Para quem não sabe, a Universidade Harvard é uma universidade privada situada na cidade de Cambridge, estado de Massachusetts, nos Estados Unidos e a dificuldade em entrar na mesma é tal que a sua taxa de aceitação já chegou aos 4,59% no ano 2018. Ainda assim, um jovem chamado Richard “Tre” Jenkins provou a todos que com esforço e dedicação, tudo é possível.

Tendo vivido em abrigos para pessoas desalojadas desde bem pequenino, Richard sempre teve que lidar com bastantes dificuldades ao longo da sua vida, não só ao nível financeiro, como ao nível social, tendo chegado a sofrer de bullying devido à sua inteligência.

Contudo, isso não o impediu de correr atrás do seu sonho e esforçar-se para estudar e conseguir uma vida melhor para a sua família e futuros filhos.

Foi aí que percebi que tenho que me esforçar porque não posso ter os meus futuros filhos a passarem pelo que eu estou a passar agora“, disse Jenkins durante uma entrevista à rádio WHYY, após contar uma situação que lhe aconteceu quando andava ainda no sexto ano de escolaridade, em que mentiu a um amigo que lhe perguntou onde vivia por ter vergonha de assumir que morava num abrigo.

Desde então, começou a estudar arduamente, tendo sido admitido num programa pós-escola sem fins lucrativos chamado Mighty Writers, onde prosperou e acabou por se candidatar ao Girard College, um internato na Filadélfia, para alunos superdotados do ensino médio de famílias mono-parentais de baixos rendimentos. Contudo, todo o seu esforço acabou por lhe provocar problemas de saúde, nomeadamente enxaquecas.

As minhas enxaquecas começaram no oitavo ano por causa de todo o stress com que eu estava a lidar na época“, disse. “Houve muita pressão para entrar no ensino médio e ter sucesso.” Para piorar ainda a situação, o seu pai sofreu um ataque cardíaco.

Ainda assim, Richard não desistiu e continuou a estudar e a esforçar-se para conseguir entrar nas melhores universidades do país.

Foi quando o jovem se encontrava em Paris numa viagem de estudo que as cartas das Universidades a que se tinha candidatado começaram a chegar, tendo sido informado que havia sido rejeitado pela Universidade de Yale e que se encontrava na lista de espera da Universidade da Pensilvânia, tirando-lhe todas as esperanças de conseguir entrar em Harvard.

Contudo, acabou surpreendido tendo conseguido não só entrar na universidade em questão, como inclusive ganhou uma bolsa de estudo completa em Informática, tendo como seu objectivo criar uma versão melhor do Siri ou um assistente virtual intuitivo.

Que história de superação absolutamente fantástica que nos prova a todos que tudo é possível com esforço e dedicação 👏

COMPARTILHAR

VEJA TAMBÉM





COMENTÁRIOS




Sábias Palavras
Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!