Marguerite Koller, de Blue Pell, Pensilvânia, nos Estados Unidos, 99 anos, é mãe, avó e bisavó e acabou de conhecer o seu 100º bisneto.

A senhora quando mais jovem, na década de 1940, pensava em ser freira, inclusive chegou a se candidatar a um convento na Filadélfia.

Arquivo Pessoal

Apesar disso, a senhora desistiu da ideia após seu marido, Koller William – que morreu em 2008 -, conquistar o seu coração. Os dois se casaram anos depois e tiveram 11 filhos.

Dessa forma, agora a idosa pode celebrar a grande família que construiu após quase um século de vida.

Marguerite, chamada carinhosamente de Peg, tem 11 filhos, 59 netos e agora 100 bisnetos. O seu mais novo bisneto, que ocupou o 100º lugar, se chama Koller, em homenagem ao bisavô.

Entretanto, há informações de uma outra novidade a caminho, mais um bisneto está chegando para aumentar cada vez mais essa família.

“Eu estou apenas pensando em como sou sortuda”, disse a bisa enquanto segurava o bebê no colo.”

Peg explica que pelo fato de sempre se sentir solitária quando criança, por ser filha única, ela sempre desejou ter uma família grande.

Arquivo Pessoal

Christina Blaster, uma das netas de Peg, disse à NBC, que os momentos com a família inteira reunida são bastantes complicados e intensos, especialmente pela casa literalmente cheia.

Logo após a comemoração da chegada do novo bisneto, daqui a alguns meses, Peg irá comemorar o seu 100º aniversário e será mais um motivo de festa.

A bisa disse que a família que construiu é seu maior presente. “Eles são tudo para mim”.

Imagem de Capa: Reprodução/NBC





Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!