Quatro filhos invadiram o casamento do pai aos berros para interromper a cerimônia e exigir que ele lhes pague a pensão alimentícia que só tem acumulado. O pai, Adrián Chamorro, estava prestes a se casar, no município provincial de Pasco, no Peru .

No entanto, quando Adrián chegou no local para formalizar a união com sua atual companheira, ele não imaginava que sua filha de 21 anos estava esperando por ele, acompanhada de seus três irmãos mais novos que carregavam cartazes exigindo o pagamento da dívida, segundo publicado no site Perú 21.

Reprodução

Acompanhados de outros parentes, onde encenaram um tremendo escândalo, os filhos impediram o casamento alegando que não recebiam dinheiro da pensão há 2 anos, após o falecimento da mãe. Portanto, essa foi uma oportunidade estrondosa para fazer a reclamação.

“Não se case, cuide de mim “, disse uma das filhas, ao repreender o pai no local.

Ao ver o pai chegar com a noiva, os quatro irmãos com o apoio dos familiares se aproximaram dele e depois de jogar tinta nele, o atacaram. Eles gritaram para ele não se casar e cuidar de suas obrigações como pai.

Reprodução

Enquanto isso, a irmã mais velha afirmou que carregava o fardo de cuidar e sustentar seus irmãos sem qualquer ajuda, e exigia que se fizesse justiça.

Reprodução

“Eu só quero que ele cuide dos meus irmãos. Ele diz que não tem dinheiro para alimentá-los , mas tem dinheiro para se casar. Durante dois anos, nenhum sol (moeda peruana) passou por eles após a morte de minha mãe”, disse a filha.

O homem foi impedido de se casar e policiais conseguiram acalmar os quatro irmãos e seus parentes. Ou pai foi convencido de que não era o melhor momento para se casar e sim arranjar a questão do sustento dos filhos.

Imagem de Capa: Reprodução

VEJA TAMBÉM






Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!

36 COMENTÁRIOS

Comments are closed.