Não ajas como se estivesses a fazer-me um favor aos saíres. Não fales sobre como és incapaz de me dar o que eu preciso e como me amas o suficiente para ir embora, para que eu possa encontrar alguém que se encaixe melhor em mim. Isso é asneira.

Tu és perfeitamente capaz de me dar essas coisas, mas está a escolher não o fazer. Tu estás a escolher partir o meu coração em vez disso. Estás a escolher a opção mais preguiçosa possível.

Podes pensar que estás a fazer a coisa certa, mas estás realmente a fazer a coisa mais fácil. É mais fácil afastares-te de mim do que mudares o teu comportamento. É mais fácil desistires de nós do que lutares por nós. Estás a tomar o caminho mais fácil e a tentar parecer heróico.

Eu não te vou agradecer por me deixares. Eu não vou ficar bem contigo a ir embora só porque tens algumas desculpas sobre como a minha felicidade é a coisa mais importante para ti. Se isso fosse verdade, então estarias a esforçar-te mais para fazeres feliz. Tu não estarias a fazer isto comigo. Não estarias a dar-me esta dor.

“Não te sintas melhor a fingir que vou ser muito mais feliz depois que te fores.”

Não ajas como se te importasses comigo quando as tuas ações dizem o contrário. Não tentes culpar esse rompimento comigo. Não te sintas melhor a fingir que vou ser muito mais feliz depois que te fores.

Estou farta dos teus hábitos autodestrutivos. Estou cansada de te ouvir falar sobre o quanto eu mereço melhor. Eu odeio quando tens pena de ti mesmo.

Tudo entre nós melhoraria se parasses de sentir pena de ti mesmo. Pára de agir como se fosses incapaz de mudar. Podes ser um bom namorado se te esforçares, mas insistes em ser preguiçoso. Continuas a repetir os mesmos erros em vez de encontrares a força para seguires outro caminho.

Se realmente querias que o nosso relacionamento durasse, se querias ficar comigo, se me querias dar o que eu merecia, então aumentarias as tuas expectativas para ti mesmo. Tornarias-te numa pessoa melhor. Excluirias as tuas aplicações de encontros. Chegarias em casa a tempo. Irias parar com as mentiras e as manipulações. Serias verdadeiro comigo.

“Preferes ficar exatamente o mesmo, mesmo que isso signifique perder-me.”

Mas tu não queres nem tentar mudar. Não queres dar-nos uma chance de lutar. Preferes continuar a agir da mesma maneira que sempre agiste. Preferes ficar exatamente o mesmo, mesmo que isso signifique perder-me.

Se quiseres terminar o nosso relacionamento, tudo bem. Eu não vou discutir. Eu não te vou convencer a ficar. Mas não te atrevas a agir como se estivesses a sair porque eu mereço melhor.

Admite as tuas porcarias. Admite que estás a sair porque não estás disposto a tentar. Porque eu não quero dizer o suficiente para tu mudares.

Traduzido e adaptado pela equipa de Sábias Palavras / Inspiring Life

Fonte: Thought Catalog

Autora: Holly Riordan

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS





COMENTÁRIOS




Sábias Palavras
Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!