Uma mulher viúva disse que viu seu falecido marido em um vídeo promocional de um restaurante indiano no qual o estabelecimento afirma ter sido filmado recentemente.

O restaurante ‘Spice Cottage’ em West Sussex, Inglaterra, teve sua página no Facebook inundada com comentários depois que Lucy Watson publicou que viu seu marido junto com seu filho no vídeo – mas seu esposo morreu nove anos atrás.

“Quantos anos tem a filmagem? Meu falecido marido e meu filho estão nas primeiras imagens, e ele morreu em 2014?” Comentou no vídeo Lucy Watson, de 59 anos.

Imagem de Reprodução/Facebook

O restaurante respondeu à viúva, escrevendo: “Oi Lucy, desculpe ver isso. Esta filmagem foi gravada na semana passada.”, disseram a ela.

O vídeo foi postado no Facebook do ‘Spice Cottage’ em 16 de janeiro e recebeu centenas de comentários de pessoas que desejam atualizações sobre o mistério.

O gerente do restaurante, Bodrul Islam, publicou uma atualização de seu ponto de vista para “esclarecer alguns mal-entendidos”.

“Eu administro o lado de mídia social do negócio e gravei um vídeo promocional para retratar nossas novas mesas de madeira e reforma de interiores. A reforma foi concluída no início de janeiro de 2023 e o vídeo promocional destaca essas mudanças. Todos os vídeos usados no vídeo foram gravados em 9 de janeiro de 2023”, dizia a publicação.

“Antes de janeiro de 2023, todas as nossas mesas estavam cobertas por panos brancos e vermelhos, a partir de agora é evidente que esta filmagem é recente”, continuou Islam. “Esta é uma situação muito incomum e esperamos que isso esclareça qualquer confusão.”

Muitos usuários da rede social criaram suas próprias teorias sobre como o marido acabou no vídeo, com uma comparando-o ao John “Canoe Man” Darwin, que forjou a própria morte em um golpe de seguro de vida em 2002.

Outro disse que a pessoa no vídeo era seu próprio pai e irmão – não o falecido marido de Watson, ao que algumas pessoas responderam que o autor do comentário deveria ser enteado de Watson.

Entretanto, Lucy está rejeitando todas as “teorias da conspiração ridículas” e disse que seu marido, Harry Doherty, foi um jornalista premiado e figura local popular, é “instantaneamente reconhecível”.

“Eu realmente não uso o Facebook além de bisbilhotar amigos ou conversar com as pessoas. Eu estava rolando e o vídeo apareceu”, disse Lucy. “No momento em que vi aquilo, pensei: ‘Ai, meu Deus, é o Harry’. Foi tão instantâneo. Eu nem precisei pensar. Ele estaria comendo um korma de frango porque é tudo o que ele já comeu.”

Imagem de Reprodução/Facebook

“Não tive dúvidas de que era meu marido. Eu não conseguia pausar a coisa, então tive que repetir cerca de 30 vezes, e cada vez eu estava mais e mais segura”, continuou ela.

Ela achou que devia ser um vídeo antigo e resolveu perguntar “por curiosidade”.

“Então tudo ficou louco. Me irritou quando eles enviaram uma mensagem de volta dizendo que foi filmado na semana passada. Não pode ter sido — explicou ela.”

Veja a publicação:

Embora existam conspirações de que seu marido ainda esteja vivo, ela disse que “não há dúvida” de que ele morreu em 2014.

“’Ele esteve gravemente doente no hospital. Eles iam fazer um transplante de fígado, mas ele não resistiu”, compartilhou Lucy.

Imagem de Capa: Reprodução/Facebook





Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!