Um dos maiores medos dos pais é que os seus filhos sofram de bullying, já que este pode resultar em danos bastante graves ao nível mental das crianças, podendo mesmo levar a finais trágicos. Contudo, um menino de 8 anos, Christian McPhilamy, decidiu deixar crescer o seu cabelo para o poder doar a crianças com cancro, mesmo sabendo que iria ser gozado pelos seus colegas da escola.

Durante dois anos, o pequeno Christian deixou crescer o seu lindo cabelo louro até atingir o seu objectivo de 10 polegadas (cerca de 25 cm) de comprimento, para poder doar a crianças que, devido a problemas de saúde, como o cancro, sofram de queda de cabelo.

Segundo uma publicação da mãe deste, Deeanna Thomas, esta sua decisão surgiu após Christian ter visto um anuncio do St. Jude Children’s Research Hospital, um centro de tratamento pediátrico e de pesquisa focado em doenças catastróficas de crianças, particularmente leucemia e outros cancros.

Desde ter sido chamado de “menina” pelos seus colegas, a ouvir os seus treinadores e familiares a dizerem-lhe para ele cortar o cabelo, chegando inclusive a oferecer-lhe dinheiro para o fazer, muitas foram as críticas que Christian sofreu. Contudo, este não só nunca desistiu do seu objectivo, como ao longo destes dois anos, tentou sempre mostrar a todos que o criticavam, a importância desta sua decisão.

A sua felicidade no dia em que finalmente cortou os seus 25 cm de cabelo mostra a todos o quanto o seu esforço compensou e as crianças da fundação “Crianças com queda de cabelo” certamente irão agradecer este seu gesto absolutamente fantástico! ❤️

COMPARTILHAR

VEJA TAMBÉM





COMENTÁRIOS




Sábias Palavras
Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!