O meio-irmão de Meghan Markle quebra o silêncio e fala sobre a série Netflix de sua irmã.

Thomas Markle Jr, que tem o mesmo pai da duquesa de Sussex, afirma que a nova série de seis partes na plataforma de streaming é “como uma versão estendida da horrível entrevista da Oprah”.

Reprodução

Ele conta que assistir aos últimos episódios da Netflix parecia que sua irmã havia “varrido sua família para debaixo do tapete” e afirma que planeja lançar seu próprio documentário no próximo ano para “esclarecer as coisas”.

Durante uma entrevista na rádio da Nova Zelândia, Thomas continuou dizendo que os produtores da série Netflix e da entrevista de Oprah em 2021 deveriam ter “entendido os dois lados da história” – algo que será revelado em seu próprio documentário previsto para lançamento em 2023.

Questionado pelos apresentadores de rádio sobre se ele quer um pedido de desculpas ou uma reconciliação com Meghan, Thomas respondeu que “não quer nada dela”.

“Eu não quero nada dela. Ninguém na família nunca pediu nada a ela. Ela começou toda essa farsa… e eu e os Markles vamos terminar”, acrescentou.

O meio-irmão de Meghan disse que ele e sua família não se incluiram para a atenção da mídia, mas afirma que a duquesa de Sussex “sabia no que ela estava entrando” quando se tratava de paparazzi e aprender o protocolo real.

“Você assina seus direitos quando faz parte da família real”, disse ele aos apresentadores do programa de rádio.

“Lide com isso ou siga em frente. Então foi isso que eles fizeram, seguiram em frente e depois reclamaram.”

Em outra parte do bate-papo, Thomas revelou que se sentiu “enojado” quando Meghan falou em pedir ao rei Charles que a levasse ao altar em seu casamento porque ela estava afastada de seu pai.

Ele afirma que o pai estava no hospital na época do casamento, agora “tem seus altos e baixos, dias bons, dias ruins”, mas “ele está bem”.

Thomas disse que é “difícil dizer” se os espectadores estão vendo quem Meghan realmente é na série documental.

Ele também concorda com a opinião de que o lançamento do documentário prejudicaria qualquer chance de reconciliação com a realeza. “Está destruindo qualquer chance que eles tiveram de fazer as pazes com a família real”, afirmou ele durante a entrevista.

Imagem de Capa: Reprodução





Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!