Um menino de 9 anos da capital do estado do Mato Grosso do Sul, Brasil, tinha o sonho de ganhar um presente especial de Natal do Papai Noel neste ano.

Por isso, John Lennon escreveu uma carta para a campanha “Papai Noel dos Correios 2022” e sua mãe, Bruna Batista, levou a cartinha com o pedido do filho a uma das agências dos Correios.

“Querido, Papai Noel, meu nome é John Lennon, tenho 9 anos, quero muito ganhar uma bola, uma chuteira e uma camisa do Flamengo. Obrigado, Papai Noel”: escreveu John Lennon em sua carta.

A incerteza e a ansiedade invadiram o coração do menino por que não há nenhuma confirmação de que a cartinha será adotada e que poderá realmente receber o presente pedido.

O que a família da criança não esperava é que o sonho do menino se tornaria um pesadelo.

Todos os quatro filhos de Bruna escreveram cartinhas para a campanha dos Correios, mas, somente John teve a sua carta apadrinhada.

Mesmo assim, o único presente foi motivo de festa para toda a família.

A mãe das crianças chegou a publicar uma foto do presente perfeitamente embrulhado ainda fechado nas redes sociais, feliz por o filho ter sido escolhido na campanha.

Reprodução

No entanto, quando John abriu o embrulho, ele viu que havia ganhado um dos itens que havia pedido em sua cartinha, porém estava completamente destruído.

“Ele pediu a chuteira e tinha uma chuteira toda descolada, velha, sem palmilha, com número maior que o dele, sem condição de uso”, afirma a tia de John, de acordo com o G1.

O menino, de apenas nove anos, ficou totalmente decepcionado. “Na hora que ele abriu, ele ficou triste. Ficou sem palavras, entristeceu. Foi de cortar o coração”, comenta a tia.

Reprodução

“Ele ficou sem reação, porque até eu não sabia o que falar para ele”, lembra a mãe, Bruna Batista.

Após o choque do tal “presente” recebido, a família além de decepcionada, ficou revoltada. “O meu pai foi me contar a história, eu falei ‘é um absurdo, isso aqui não pode ser, é muita maldade, a pessoa não pode fazer um negócio desses’. No Natal, pegar uma cartinha de uma criança e fazer esse tipo de coisa?”, questiona a tia de John.

Imagem de Capa: Reprodução / G1





Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!