Foi descoberto um novo potencial antidepressivo que tem capacidade de agir em apenas duas horas no corpo humano.

Assim, se tornando o melhor método para tratar a depressão do mercado.

Atualmente, existem vários casos de depressão e ansiedade pelo mundo. A depressão, é considerada como a doença do século, por conta da grande quantidade de casos.

Ela é causada pela falta de serotonina, quando o corpo deixa de produzir ou produz em baixa demanda essa substância química.

Como resultado da falta de hormônio da felicidade, a pessoa com o quadro depressivo pode ter várias áreas da sua vida afeta, como: o sono, a disposição, o apetite e o humor.

A falta de alegria e felicidade é um dos sintomas mais comuns dessa doença silenciosa.

Normalmente, os antidepressivos demoram cerca de 1 mês para fazer efeito no corpo, dessa forma, o seu corpo entender o tratamento feito.

Por isso, somente depois desse tempo de espera, a pessoa começa a se sentir melhor.

A remédio age fazendo o bloqueio de uma determinada proteína e faz com que outros neurotransmissores possam interagir com os neurônios de forma prolongada.

Com o efeito sendo rápido, as consequências do impacto com o cérebro só aparecem depois de um mês tomando a medicação.

Na busca de um início de alívio dos sintomas e maior rapidez no bem estar dos pacientes em tratamento com antidepressivos que pesquisadores da Universidade de Nanjing, na China desenvolveram um novo medicamento que pode agir contra a depressão em até duas horas, sem efeitos colaterais, de acordo com um estudo em camundongos.

Com ele, existirá mais um caminho para o desenvolvimento de uma nova classe de terapias para a depressão e outros transtornos de humor difíceis de tratar.

Imagem de Capa: Canva





Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!