Victor Ribeiro e Ana Paula Meriguete são um jovem casal recém-casado que acabou por ficar conhecido nas redes sociais ao trocar a sua tradicional festa de casamento por um jantar solidário para famílias carenciadas.

A cerimónia de casamento pela igreja foi lindíssima, tendo sido registada pelas lentes da PhotoLife.

Segundo os mesmos, assim que ficaram noivos em 2017, após um namoro de dois anos e meio, ambos se questionaram se deveriam realizar uma festa tradicional ou não. “Então, começámos a nos perguntar se era isso que Deus queria de nós e decidimos rezar para ver o que Deus realmente queria sobre essa situação da festa do nosso casamento”, contou Victor à ACI Digital.

E foi precisamente durante uma missa onde estavam a actuar que eles receberam a resposta pela qual tanto aguardavam, por meio de uma música que dizia: “Se uma ceia quiseres propor, não convide amigos, irmãos e outros mais. Sai à rua a procura de quem não puder recompensa te dar, que o teu gesto lembrado será por Deus”.

Já estávamos rezando bastante para saber o que Deus queria para nossa festa de casamento e, depois da Missa, conversamos, naquele momento ficamos um pouco emocionados. Isso foi nos trazendo paz ao coração. Falamos: ‘realmente, os nossos familiares não são ricos, mas têm condições de ter um alimento na mesa; vamos alimentar em uma festa quem realmente precisa’”, recordou  Victor.

Ana Paula Meriguete, de 23 anos, e o educador físico Victor Ribeiro, de 24, conheceram-se num grupo de jovens, e desde então participam em grupos de orações, atuam em ministérios de música (Ana é cantora e Victor toca alguns instrumentos, como viola e cajon) e realizam ações sociais, como a ceia de Natal e o café da manhã para moradores de rua. Contudo, este jantar solidário foi sem dúvida a acção social mais marcante e especial.

Não foi mais uma ação solidária. Para mim, foi marcante do início ao fim. Quando a primeira família entrou, a gente se emocionou bastante. E eu sei que foi muito importante e emocionante para eles também”, falou Ana Paula numa entrevista ao G1.

Assim sendo, decidiram contactar o Centro Social Santa Mônica, da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora da Consolação, que atende crianças de uma região carente de Guarapari, para onde ambos já tinham feito uma angariação de alimentos, e então convidar não só as crianças, mas também as suas famílias, fazendo um total de cerca de 160 convidados.

Apesar de inicialmente terem pensado pagar todas as despesas do jantar em questão, com a ajuda de familiares, amigos próximos e outras entidades, conseguiram tudo gratuitamente, tanto ao nível da alimentação, tendo sido uma empresa de buffet a cozinhar com a ajuda de voluntários, como na animação, com o ministério da música a tocar ao vivo durante a celebração.

Este foi sem dúvida um dia especial, não só para os noivos, como para aquelas famílias que puderam descontrair um pouco e comer uma boa refeição, esquecendo por breves momentos todas as dificuldades pelas quais passam diariamente.

A gente recebe muito mais do que dá. A gente saiu de lá muito preenchido. Quando terminou o jantar, a gente olhou um para o outro e foi uma sensação de realização. O sentimento é de gratidão”, concluiu Victor.

VEJA TAMBÉM




Sábias Palavras
Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!