A fitness Enerstine Shephers, aos 86 anos, detém o recorde de a fisiculturista feminina mais velha do mundo.

Com 86 anos de idade, Enerstine ainda assim mostra que está levantando peso. A idosa pesa cerca de 50kg e se alimenta basicamente de nozes, ovos, frango e vegetais.

The Washington Post via Getty Images

No ano de 2010, ela conseguiu conquistar o título de fisiculturista competitiva feminina mais velha do mundo, no Guinness World Record.

Ela embarcou em sua missão em nome de sua amada irmã, Velvet, que morreu de um aneurisma cerebral. Ernestine continua a levantar pesos em sua memória até hoje.

Tudo mudou na vida de Enerstine, a partir que ela saiu com sua irmã, Velvet, para procurar roupas de banho. Fazendo com que elas fossem estimuladas a entrar em forma.

The Washington Post via Getty Images)

Infelizmente, sua irmã acabou falecendo de um aneurisma cerebral e tempos difíceis se seguiram para Ernestine, que admite que “ficou em pedaços” e “não queria fazer nada”.

Após ter um sonho com Velvet e receber apoio de seus companheiros, Ernestine começou a se movimentar novamente. Assim, se inspirando a conseguir quebrar um recorde mundial.

Para conseguir, a fisioculturista procurou ajuda de um ex-Mr. Universo Yohnnie Shambourger.

The Washington Post via Getty Images)

Dessa maneira, no ano de 2010, com muito esforço e dedicação, Enerstine entrou em uma competição e saiu com a vitória, levando o Guinness World Records a contatá-la e coroá-la recordista.

“Nunca me esquecerei de estar naquele palco enquanto pegava minha medalha e certificado. ‘Fiz o que você queria, Velvet’, lembro-me de dizer enquanto as lágrimas enchiam meus olhos”, ela disse ao Mirror.

Logo após, a fisioculturista supostamente conversou com Oprah Winfrey e apareceu no videoclipe de Beyoncé, Black is King.

“Foi uma experiência maravilhosa, maravilhosa. Beyonce me fez sentir como uma rainha. Eu me senti muito honrada”, disse ela.

“Eu senti como se tivesse o poder de sorrir novamente. Beyonce não tem ideia do que ela fez por mim.”

The Washington Post via Getty Images)

Assim como se alimenta de forma saudável e treina, Ernestine também completa cerca de 128 quilômetros de corrida todas as semanas.

Ela não apenas acredita que sua dieta regulada é um importante truque para sua incrível capacidade de continuar com suas corridas intensas, mas também acorda de madrugada, às 4h, para malhar.

Imagem de Capa: Reprodução





Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!