Após denúncia dos colegas, Alicia Dudy Muller Veiga segue investigada por se ter apropriado do dinheiro pago pelos restantes formandos para a realização da festa de fim de curso.

A estudante, nega todas as acusações, mas a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo já fez sair uma nota de imprensa.

“Uma das vítimas, um homem, de 25 anos, compareceu na delegacia no início da noite desta terça-feira (10) e contou aos policiais que a suspeita teria se apropriado da quantia aproximada de R$ 920 mil que seria usada para a formatura dos alunos do curso de medicina da USP”

Consta que o golpe aconteceu no dia 25 de Novembro de 2022 no bairro de Mirandópolis, zona sul de São Paulo.

Quanto à empresa responsável por guardar o dinheiro, já afirmou publicamente que cumpriu com o contrato estabelecido com a comissão de estudantes, já que Alicia tinha ficado como responsável legal pela movimentação do dinheiro.

Alicia também se pronunciou:

Nego todas as acusações e informo que a comissão de formatura tinha acesso à informação da retirada do dinheiro”

Quanto à nossa opinião em relação a esta história, não sabemos o que é mais estranho, o caso em si, ou o facto de uma festa de formatura custar quase R$ 1 milhão!





Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!