Ashton Kutcher é um actor bastante conhecido não só pelo seu rosto de eterno menino bonito, como também pela sua boa disposição e humor que nos divertem na maioria dos seus filmes. Contudo, poucos sabem da sua história carregada de tragédia e superação, tendo começado quando era muito novo, com o seu irmão gémeo, Michael, que nasceu com paralisia cerebral.

Com apenas 13 anos, Michael sofreu uma paragem cardíaca devido ao seu estado de saúde. Algo que o deixou em risco de vida, precisando urgentemente de um transplante de coração. Sabendo desta realidade, e ciente de que caso não conseguissem encontrar um dados compatível o quanto antes, o seu irmão iria acabar por falecer, Ashton estava disposto a morrer para que o seu irmão sobrevivesse.

“Eu estava na varanda, a pensar em saltar, e o meu pai viu-me e diz: ‘O que é que estás a pensar?,’” disse Ashton numa entrevista à Hollywood. “Eu contei-lhe. Ele veio até mim e disse: ‘Não podes fazer isso’”, acabando por conseguir convencê-lo a sair da varanda. Felizmente, naquele mesmo dia, foi encontrado um dados e o transplante foi realizado com sucesso.

Mas se achas que a história de sofrimento de Ashton termina aqui, estás muito enganada(o).

Um segundo episódio que acabou por marcá-lo para o resto da sua vida aconteceu com uma namorada, Ashley Ellerin, quando em 2001 esta faleceu vitima de um serial killer conhecido como Chiller Killer, enquanto estavam num encontro. Tendo Aston presenciado o crime, este acabou por ter de testemunhar em tribunal, acabando por ser uma peça crucial de prova para que o homem fosse condenado.

Hoje em dia, com 40 anos, Ashton aproveita a sua fama e riqueza para ajudar outras pessoas no Mundo, principalmente mulheres que acabam vítimas de trafico humano.

Em 2008, o ator e a ex-mulher, Demi Moore criaram uma fundação – Thorn – onde constroem ferramentas digitais para ajudar a polícia a reprimir os traficantes de seres humanos. “Eu via meninas de seis e sete anos a serem abusadas por lucro. Eu disse a mim mesmo: ‘Eu não quero viver num mundo onde estas coisas acontecem e eu não estou a fazer nada para acabar com elas.’” Até hoje, a fundação já salvou milhares de vítimas e identificou milhares de traficantes.

Mas Ashton não quer parar para aqui! O seu próximo objectivo é acabar com a pornografia infantil e pede para que as pessoas orem para que ele consiga ter sucesso em eliminar este mal de vez.

Sem dúvida uma verdadeira inspiração para todos nós!

Se queres ajudar a fazer a diferença, partilha com os teus amigos e todos juntos iremos conseguir fazer deste Mundo um lugar melhor para todos nós!

Fonte: Shared

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS





COMENTÁRIOS




Sábias Palavras
Relaxa, dá largas à tua imaginação, identifica-te!