Você está em um amor que vale a pena?

Os excessos não são saudáveis. Nos fazem perder tudo isso que eu disse ai em cima. Nos deixam mais pesados e nos fazem aproveitar menos aquilo que podemos viver, nos faz agir de maneira impulsiva e trazem consequências ruins. Amar é mais fácil do que parece. Só precisamos encontrar alguém que compartilhe dos mesmos sentimentos, objetivos e que esteja disposto a construir algo junto. E você, já encontrou esse alguém?

 

Quem nunca teve um amor que jurava que seria o grande amor da sua vida? Especialmente na adolescência, isso acontece muito. Engana-se quem pensa que esse fato é restrição das meninas. Os garotos também se aventuram no amor nesta fase.

No entanto, por algum motivo – na maioria das vezes sem muita importância – a vida te obriga a dizer adeus para esta pessoa. O mundo parece que vai desabar. Você sofre por acreditar que jamais vai conseguir viver sem aquela pessoa.

happy-couple-eating-sushi.jpg

O drama vira seu roteiro de vida. Você se tranca no quarto, fecha a persiana para fazer aquele climinha de breu, coloca o Radiohead nos fones de ouvido e fica ali naquele ambiente melancólico bem característico de: “Estou curtindo um fossa. Não me incomode”. Você deságua a chorar incansavelmente, afinal de contas o Armagedom chegou, e a vida ficou mais triste. Na época, lembro que fiquei mal, mas depois de 10 anos da minha primeira decepção de amor chega a ser engraçada relembrar desta história. Quanta inocência para uma pessoa só, né?

Depois de um tempo, a gente percebe que precisa de muito mais do que somente uma paixão para encontrar o amor da nossa vida. Por isso, resolvi listar alguns sentimentos que tenho hoje para te ajudar a identificar um amor de verdade. Óbvio que não é uma regra! Cada pessoa experimenta de uma forma e o amor pode ter muitas maneiras.

Paz em todos os sentidos

Quando penso em nós dois juntos, o primeiro sentimento que vem em minha mente é um sentimento de paz. Não sei explicar exatamente, mas no começo, sentia uma tranquilidade, uma espécie de segurança em estar com ele. Sentia-me confiante em investir em algo maior para nós dois. Hoje, este sentimento não mudou, aliás, só aumentou. Sinto um bem-estar nas nossas tomadas de decisões conjuntas, em estar em nossa casa ou quando recebo sem esperar o melhor abraço do mundo logo pela manhã, ou seja, tenho uma paz em todos os sentidos. Ouso afirmar que se você não tem esse sentimento que chamo de paz verdadeira em seu coração, provavelmente ainda não encontrou seu amor.

Mistura de sentimentos bons

Poderia citar muitos exemplos dos diversos sentimentos bons que invadem nosso coração diariamente e que nos fazem entender que estamos investindo em um amor que é genuíno: A alegria em acordar e ver a pessoa amada do seu lado, a sensação de surpresa por um bilhetinho no meio das suas coisas e a compaixão pelo outro, por exemplo, quando ele está doente. Enfim, a lista é vasta. Você sabe o que é isso? Você teve essa experiência? Quando estamos realmente amando, a gente não tem medo de se doar e sente o mesma intenção do outro e consegue abrir mão de algo que quer muito em favor do outro.

6796575-gorgeous-couple-wallpaper.jpg

O amor nos surpreende

O amor provoca reações que nem sabíamos que teríamos. Nos faz rir com as bobagens do outro, nos permite divertir com pequenas coisas (por exemplo, neste exato momento o Mu está me ensinando a não deixar bolhas de sabão caírem no chão), nos deixam arrepiados e nos fazem sentir saudade quando estamos longe. No amor não temos vergonha de ser nós mesmos, de mostrar nossas loucuras, de falar o que não teríamos coragem de falar para mais ninguém e de fazer as perguntas idiotas sem medo de ser ridicularizado.

No amor, não há excessos

E por último, aprendi que o importante é o equilíbrio. Os excessos não são saudáveis. Nos fazem perder tudo isso que eu disse ai em cima. Nos deixam mais pesados e nos fazem aproveitar menos aquilo que podemos viver, nos faz agir de maneira impulsiva e trazem consequências ruins. Amar é mais fácil do que parece. Só precisamos encontrar alguém que compartilhe dos mesmos sentimentos, objetivos e que esteja disposto a construir algo junto.

E você já encontrou esse alguém?

FONTEObvious Mag
COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS