Uma das melhores coisas na vida de uma mulher é ter amigas. Amigas cuidam da alma

Por: Rebeca Bedone
Publicado originalmente da Revista Bula.

Dizem que algumas mulheres costumam se vestir para outras mulheres, e que entre elas há mais competição do que cumplicidade. Por isso, preste atenção. Fique bem longe de quem se aproxima de você para lhe derrubar. Não tenha interesse em quem olha suas conquistas com inveja. Esse tipo de mulher não é amiga. Isso é falsidade.

A amizade é um relacionamento que deve ser construído como qualquer outro, com tolerância, confiança e perdão. Com boa vontade, autenticidade e muitas risadas. Meninas, moças ou mulheres mais velhas, todas elas deveriam ter pelo menos uma boa amiga durante a sua vida.

As nossas primeiras amigas continuam com a gente mesmo depois da distância e do tempo. Algumas se perderam da convivência, mas moram nas histórias da adolescência que estão guardadas na caixinha de música dos quinze anos: os amores platônicos e o primeiro namorado, a escolha da profissão e a formatura do Terceiro Colegial.

Outras amizades da infância estão presentes até hoje. Mesmo com a correria do dia a dia e morando em cidades diferentes, as amigas dão um jeito para manter forte o laço que as uniram tantos anos atrás.

Essas amigas nem sempre têm o mesmo estilo de vida e os mesmos sonhos. Enquanto a solteira diz que não quer se casar, a outra conta que seu casamento foi a melhor coisa que lhe aconteceu. E isso acontece porque uma amiga ouve a outra com sinceridade, e ambas sabem que a vida não deve ser uma eterna competição para ver quem é mais feliz.

Amigas torcem pela felicidade uma da outra. Por onde andam, carregam as lembranças e a saudade de quem se faz especial: a amiga da faculdade, do primeiro emprego, da época do doutorado; aquela do condomínio, a mãe do amiguinho do filho, alguém que conheceu em uma viagem.

Essa é uma verdade: uma das melhores coisas na vida de uma mulher é ter amigas. Quando estou pra baixo, minhas amigas me levantam, e vice-versa. Nas horas mais difíceis, as amigas têm certeza de que ainda existe algo pelo que acreditar.

Amigas curtem falar bobagem e comer doces. Elas falam de seus amores e suas dores. Costumam rir bastante quando estão juntas. E, também, desabafam seus medos. Algumas vezes, também choram.

Por isso, não importa a idade que você tem, nem o seu estado civil. Se estiver se sentindo perdida, é porque talvez esteja precisando de uma amiga.

COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS