Reservei o meu melhor pra você

Deixei de lado todas as manias irritantes que você provavelmente reclamaria, como almoçar vendo TV, esquecer a porta aberta, deixar a luz acesa, esquecer a chave na porta, não dar descarga, me atrasar, dizer que “já estou chegando” quando não estou, dormir cedo, ir de chinelo ao shopping, demorar no banho e deitar de cabelo molhado, mas deixei o melhor do pior pra você, pra me moldar de um jeito só nosso.

Parei com a rotina e aprendi a surpreender, a dar presentes sem motivo, a fazer surpresas a noite, a preparar o seu prato favorito sem que você peça, a deixar o seu travesseiro favorito na cama, a deixar você escolher o restaurante, a dizer qual é a sua melhor roupa, a elogiar o seu cabelo e a fazer cada dia da gente de um jeito único, para que você me descubra pra sempre.

Larguei num canto todos os xavecos, as cartas na manga, os contatos de sexo fácil, os rolinhos inacabados, quem ficou na geladeira, as mensagens não respondidas de Whatsapp, as cutucadas no Facebook e os flertes na rua, mas deixei o melhor do estilo canalha pra você, pra nós dois, pra nossa cama.

Voltei com a sinceridade e cansei das omissões, como quando falo quem é amigo de verdade, quando digo que poderia ser assim ao invés de assado, quando sentamos, conversamos sobre o relacionamento e digo o que está e o que não está bom, quando deixo de fingir que está tudo bem, quando conto algo que vai te magoar agora e vai ter fazer bem depois, quando deixo de te poupar com desculpas para te proporcionar uma falsa felicidade, sendo que posso te deixar triste por um momento e te oferecer a alegria da honestidade em todos os outros.

Troquei de lado, abandonei hábitos e me encontrei. Reservei o melhor de mim pra você, porque você é o meu melhor.

COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS