Primeiro dia de 2017, saí da festa de reveillon e fui direto pro mar pular as sete ondinhas. Saúde, paz, viagens novas, amigos novos, experiências novas, aprendizados novos. Pedi tudo isso e um pouco mais. Voltei da praia e perguntei pra minha amiga o que ela tinha pedido.

– Pulei as sete ondas e nas sete pedi que esse ano eu finalmente encontre um namorado novo – ela me respondeu – estou precisando de um up na minha vida.

Sorri e não falei nada, mas fiquei pensando em como eu queria que ela soubesse que a vida não se resume em encontrar um namorado. Que os problemas delas não serão resolvidos quando ela começar a namorar.

 

A vida não é só encontrar alguém que te queira, ou ficar triste por alguém que não te quer. A vida vai tão além disso. A gente precisa parar de achar que a nossa felicidade depende de outras pessoas. A vida é fogueira acessa em noite fria, é banho de mar gelado, é comer até não conseguir levantar da mesa, é dirigir sem rumo, é rir até a barriga doer, é dormir ao ar livre numa noite estrelada, é ler livros que te façam soltar em voz alta um “puta que pariu”, é dormir no sol, acordar com insolação, se arrepender e no próximo fim de semana estar fazendo a mesma coisa, é pôr do sol depois de um dia cheio, é nascer do sol depois de uma madrugada de festa, é a sensação de superação após a subida de uma montanha, é passar a madrugada conversando com gente que te entende, é tomar uma breja gelada com os amigos depois do trabalho, é ligar o rádio e estar tocando a sua música preferida, é dormir na rede, é conhecer gente nova, é ficar amiga de gente completamente diferente de você, é acampar com amigos, é vestir uma roupa nova e se sentir a mulher mais bonita da festa, é se pegar sorrindo simplesmente por ter vivido o que viveu e por ter conhecido quem conheceu.

 A gente tem tanta coisa pra viver antes de querer se apaixonar. Então, pra que a pressa? Se você não está feliz com a vida que leva, não ache que o que falta nela é alguém pra te completar. Você já deveria ser completa por si só antes de encontrar alguém. E eu te imploro, não se acomode na vida porque acha que encontrou o amor dela. O amor da sua vida vai sempre ser você mesma e você não deve abrir mão disso por nada nesse mundo. Você vem sempre em primeiro lugar.

Você tem todo o tempo do mundo pra se conhecer e se descobrir sem ficar se preocupando se algum homem vai te querer. Você precisa estar em paz com você mesma antes de encontrar alguém pra supostamente te trazer essa paz. Você precisa viajar sozinha, ir ao cinema sozinha, sair pra jantar sozinha, ir ao parque ler um livro sozinha, antes de querer fazer tudo isso com alguma outra pessoa. Você precisa saber aproveitar a sua própria companhia. Você precisa ser inteira sendo sozinha. Só assim, depois de estar em paz consigo mesma, você estará pronta para receber alguém em sua vida.

Não é que ninguém deva namorar, longe disso. Eu só acredito que nós devíamos parar de nos envolver com outras pessoas apenas por carência.

Quem não é um bom ímpar, nunca será um bom par.

Escrito em Livre Blog.

COMPARTILHAR


RECOMENDAMOS