Peguei o ônibus, mas queria mesmo era estar te pegando.

O balanço para frente e traz, me faz querer o seu corpo dançando no meu…

Você sempre foi o tipo certo mais errado do mundo, e eu gosto disso. Gosto mesmo, e gosto muito. Você sempre foi quem eu deveria manter distância. Mas na realidade, é quem me puxa cada vez para mais perto. Você é tempestade e até temporal. Mas eu sou furacão e erupção. Às vezes, sinto vontade de desistir, e eu até desisto. Vou embora, bato pé e me recuso. Mas é que eu sempre preciso voltar, tipo uma necessidade física e emocional. Você é difícil, e talvez eu seja fácil demais. Você é todo o meu oposto, todo meu contrário. No fundo, eu acho que não fomos feitos para ficarmos juntos. Mas também, confesso que não servimos para ficar separados. Você é Y e eu sou Z. Na conta não tem solução, em química somos explosão. Não seguimos teorias, preferimos a prática.

Eu já tentei desviar o caminho, e por vezes eu até consigo. Prazer mesmo, é me aventurar nas curvas do seu corpo. Sentir, simetricamente, as minhas mãos tocarem na sua pele arrepiada. Beijar a sua nuca, morder os seus lábios, arranhar as minhas unhas nas suas costas. Gosto quando, em meio a uma bifurcação, seguimos juntos para o banho. Economizar água, passar sabão em você e massagear todo centímetro palpável.

Você não é um daqueles casos idealizados, ou conto de fadas. Temos um lance de pele, de física, de línguas. Os desejos parecem insaciáveis, a vontade parecer nunca acabar. É descontrolado, de outras vidas, enlouquecedor e profundo. É suor, delírio, fascínio e saudável. É fome e sede, necessidades jamais supridas. As pessoas não entenderiam se eu contasse sobre o nosso sexo, o quanto é ardente e viciante. Temos a medida exata de equilíbrio para fazer acontecer, principalmente, quando eu sento no seu colo. Me segurando pela cintura, consigo sentir o seu tesão através da pressão dos seus dedos me apertando.

Tesão. Uma palavra pequena, mas que significa tanto em nossa relação. Eu posso nomear assim? Sem cobranças ou pressões, temos um relacionamento sério com os nossos instintos. É estranho, mas se eu disser que sinto isso apenas com você, acredite. Vou sussurrar baixo em seu ouvido que eu sou, e estou, louca por você. Como sempre, desde o primeiro dia em que cruzamos olhares. Muita sacanagem é o que se passa na minha cabeça quando eu penso em você. Eu acho até engraçado quando você me surpreende com algum tipo de romantismo, eu não consigo esperar gestos mais delicados vindos de você. Não é ruim, também não estou reclamando, mas esse negócio carnal que nos une é o que faz tudo valer a pena.

Sabe o que é mais louco? É que não precisamos de um status para dar certo. Simplesmente, fazemos acontecer. Não temos pudores, nem receios, muito menos restrições. Tudo flui, as peças de roupas duram pouco tempo quando estamos juntos. Elas parecem que possuem vontade própria, pois nunca estão onde deveriam estar. Tiramos tudo, inclusive, a vergonha e as meias. Não temos meias, somos inteiros. Nos completamos, encaixamos, a nossa sintonia é perfeita. Você é uma delícia, e te saborear homeopaticamente é a chuva que faz molhar.

Eu posso ser a pessoa que vai realizar todas as suas fantasias ocultas. Não tenha medo de compartilhar todas elas comigo. Serei quem vai te aliviar após um dia incessante de trabalho. Quem vai te mandar uma mensagem quente durante o dia, para que você se sinta atraente e vivo. Serei a pessoa que vai te acordar com um ótimo humor e com toda disposição do mundo. Serei quem vai te conhecer dos pés ao último fio de cabelo, de costas, de 4 e até de ponta cabeças. Sou a pessoa que vai dominar a sua insônia e também, quem te fará perder longas noites de sono. Serei a pessoa que não terá preconceitos em quatro paredes, mas que também desafiará a sua coragem em outras aventuras externas. Serei a pessoa que vai apimentar o seu doce. Quem vai te dar o que comer todos os dias. Você não vai sentir fome.

Eu posso ser muita coisa, mas eu jamais serei a pessoa que te maltrata, humilha, mente ou pisa em você. Não te farei sofrer, isso não é vantagem. Vantagem é te escutar gemendo e gritando, mas por amor. Todos os dias fazer amor.

Me deu água na boca imaginar a gente agora, em casa ou em qualquer lugar.

Vou descer do ônibus…

Me encontra no próximo ponto?

Estacionei o meu mundo para você pegar carona.






COMENTÁRIOS