Os 7 melhores livros de autoajuda e superação pessoal

Quando estamos trabalhando para desenvolver um maior crescimento pessoal, as melhores ferramentas que podemos empregar para isso estão no interior de cada um de nós. Porém, é verdade que quantos mais recursos pudermos utilizar para tão maravilhosa tarefa, melhor.

Hoje trazemos os 7 melhores livros de autoajuda e superação pessoal para nos facilitar muito mais este precioso trabalho.

Quais são os melhores e mais recomendados livros de autoajuda e superação pessoal?

1. “Poder sem limites” de Tony Robbins. Para os que sonham com uma vida melhor, Poder sem limites nos mostra como conseguir a fantástica qualidade de vida que todos desejamos e merecemos. Anthony Robbins nos demonstra que aproveitando o poder da mente podemos fazer, ter, conseguir e criar o que quisermos para a nossa vida.

Este livro tão revolucionário para a mente e com mais de 1 milhão de cópias vendidas mostra-nos passo a passo como alcançar a liberdade emocional, a liderança e a confiança em si mesmo.

2. “Inteligência Emocional” de Daniel Goleman. No seu livro Inteligência Emocional, Daniel Goleman nos apresenta o desenvolvimento da inteligência emocional como um dos fatores para conseguir o êxito nas nossas vidas, tanto pessoal quanto profissionalmente.

Possui informações renovadas sobre esta inteligencia rejeitando as ideias convencionais sobre a fiabilidade nos resultados dos testes sobre o quociente intelectual. O livro foi traduzido para mais de 40 idiomas, conseguindo vender aproximadamente 5.000.000 de cópias em todo o mundo.

3. “Seus pontos fracos” de Wayne Dyer. Wayne Dyer nos fala sobre como evitar e escapar dos pensamentos negativos, tomando assim o controle da nossa vida.

Baseia-se na teoria de que todos nós temos um conjunto de emoções incapacitantes, entre as quais se destacam a culpa e a preocupação.

No livro, Dyer nos ajudará a identificar aqueles pensamentos que não estão nos deixando avançar, dando-nos uma série de razões que nos farão ver que essas emoções não são úteis nem práticas no nosso dia a dia. Só nos permitirão entrar em estados de tristeza e depressão.

Esta obra conseguiu bater o recorde mundial vendendo ao redor de 35 milhões de cópias em todo o mundo.

4. “A Boa Sorte” de Álex Rovira. Álex Rovira compartilha conosco um conto mágico. Uma metáfora onde nos fala do esforço, da constância e da capacidade para nunca nos darmos por vencido. Um grande ensinamento vital para o nosso dia a dia.

5. “Pai Rico, Pai Pobre” de Robert Kiyosaky. A obra de Kiyosaky nos fala sobre como alcançar a liberdade financeira, convertendo-se por isso em um dos livros chave para muitos coachs financeiros e executivos. A sua leitura nos permitirá mudar a nossa perspectiva sobre o dinheiro e dar um grande giro na nossa vida pessoal.

6. “Contos para pensar” de Jorge Bucay. Jorge Bucay compartilha conosco um conjunto de contos que nos ajudarão a refletir sobre o comportamento do ser humano, servindo-nos de metáfora para situações cotidianas da vida.

7. “Em busca de sentido” de Viktor Frankl. Trata-se de um dos livros mais poderosos de autoajuda, ao se basear em una vivência real de seu autor Viktor Frankl, que sobreviveu três anos em um campo de extermínio nazista enquanto via e era testemunha de como toda a sua família morria.

Nele, Frankl nos conta como apesar das dificuldades e circunstâncias adversas, é possível seguir adiante se encontramos um sentido nas nossas vidas.

Um livro que conseguiu ocupar uma posição de leitura obrigatória nos colégios e institutos por todo o mundo.

Se teve a oportunidade de ler algum dos livros citados no artigo de hoje, convido-lhes a compartilhar com todos nós as suas opiniões sobre a sua leitura e, o melhor, a aprendizagem obtida depois dela.






COMENTÁRIOS