Ofereça 2 minutos. De ti para ti.

“Os nossos dias são tão cheios, tão cheios de informação, de pessoas, de acontecimentos. O relógio não para, tem dias que até parece que anda mais rápido do que é suposto.

Alguma vez paras? Bastam dois minutos.

A vida que levas, é a que imaginaste para ti? É melhor ou pior do que aquilo que projetaste para o teu futuro?

A vida é feita de escolhas e cada caminho que tomamos leva-nos a determinado ponto. Talvez penses que teria sido melhor se tivesses optado por outro caminho e bem, talvez fosse. Mas serias a pessoa que és hoje? Serias mais humilde ou mais egocêntrica/o?

Mais importante do que o lugar onde estamos ou do que fazemos, é se de facto gostamos de nós por aquilo que somos. Muitas vezes esquecemo-nos de olhar para nós próprios e pomos constantemente os outros à nossa frente. O problema não é preocuparmo-nos com os outros e sim deixarmos de nos preocupar com nós próprios.

Se a tua vida tivesse tomado outro rumo, possivelmente estarias agora noutro lugar e serias uma pessoa completamente diferente, com crenças diferentes, com objetivos de vida diferentes, com pessoas diferentes.

E trocar todas as pessoas maravilhosas que tens na tua vida por outras?

Talvez fossem também pessoas incríveis, contudo nada seria a mesma coisa. Terias experiências diferentes, conselhos diferentes e mais uma vez, caminhos diferentes.

Não te arrependas dos caminhos por onde não andaste. Ama-te e valoriza-te pelo que és e pelo que tens na tua vida. Luta pelo que queres, afinal, é tudo uma questão de escolha.

São só dois minutos, depois podes voltar ao teu dia cheio, tão cheio de tudo.”

COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS