O que foi embora tinha que ir – para quem acredita em milagres

Então é preciso fazer alguma coisa a respeito, concorda? Se você me diz que do jeito que está não toca, não emociona, não tem propósito nem sentido; se você me diz que o brilho deu lugar ao vazio, que não existe presença efetiva nem pulsação, que mais te consome do que te alimenta, que faz mais mal do que bem, por que bater na mesma tecla, cometer os mesmos erros, dar murro na ponta da faca, maltratar-se dessa maneira, esconder-se do que te aprisiona, ficar parado no mesmo lugar?

Olha pra sua vida, pro seu espaço, pro mundo que existe dentro de você. É bonito? É verdadeiro? Te faz vibrar e sorrir? Te revira do avesso, te ilumina a vida, te desafia a chegar mais longe, te faz refletir? Olha pra sua imagem no espelho, pra sinceridade do seu sorriso, pro brilho dos seus olhos, pra transparência leve da sua alma, tem tudo isso? Tem verdade? Tem paixão? Tem propósito? Tem amor? Tem cor no seu mundo? Tem vida na sua vida? Tem você, realmente você, em todas as suas escolhas, em todas as suas palavras, em tudo o que você pensa e realiza, em tudo o que você acredita e defende?

Se você me diz que perdeu-se de si mesmo, então é hora de se encontrar. De sacudir a poeira da alma, de descarregar o peso do corpo, de desafiar-se a sair da posição confortável de quem finge não ver o que já não pode mais se esconder. Tira a máscara, sacode o cabelo, pisa no chão com os pés descalços. Abraça apertado quem mais te ama e te quer bem. Pede ajuda, se precisar. Às vezes é mesmo difícil seguir sozinho, não é? Olha o redor, me dê a mão, estamos no mesmo barco. Sossegue o coração, você não está só. Continue a remar, não vá desistir agora. Recalcule a rota, se preciso for. Estamos no nosso caminho. No seu caminho. No meu caminho. Confia.

Se você me diz que perdeu a fé, então eu vou te provar que milagres existem. Porque nós todos já somos milagres da vida. Eu. Você. A mudança que você viu acontecer ao seu redor. Todo o medo e toda a angústia e todos os sentimentos ruins que existem em nós podem ser transformados em amor, sabia? É isso o que chamam de milagre; a mudança de percepção, a força do pensamento, o poder da mente e da intenção, a chama da fé.

Pede o seu milagre. Acredita no seu milagre. E olha pra dentro de si com olhos mais generosos e sem julgamentos. Não fique procurando culpados. Não se condene dessa maneira. Voltar ao passado não dá, tudo bem. Mas dá pra começar de novo. Sempre é tempo de recomeçar.

Recomece inúmeras vezes, se for preciso. E acredite na sabedoria do Universo. Quando você faz a sua parte, quando você se propõe a oferecer aos outros e a si mesmo o seu melhor, quando você compreende que às vezes é preciso deixar certas coisas simplesmente irem embora, quando você resolve colocar a sua atenção e direcionar o seu pensamento no bem, no amor, no que vai dar certo, no que é positivo e que realmente vale a pena, você emite a mensagem de que está preparado para a mudança.

E o Universo passa a atuar a seu favor. E a cuidar direitinho de você.

Se você vibra amor, receberá de volta ainda mais amor.

Porque é assim a lei da vida: o que foi embora tinha que ir. O melhor sempre vem.

COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS