O que aquele ”e aí, sumida?” realmente quis dizer.

Difícil entender o ”e aí sumida?” quando sempre esteve no mesmo lugar, no mesmo endereço, com o mesmo número de telefone. Quando recebo um ”e aí, sumida?”, sempre respondo: Nunca sumi, eu estive o tempo todo aqui. Alguns somem de vez depois dessa, e isso é uma boa maneira de garimpar quem vale a pena manter por perto.
Você se pergunta como você pode sumir se você esteve o tempo todo tentando aparecer pra ele? Como você pode ser chamada de sumida se você gastou tanto tempo tentando entender por que era sempre tão difícil ele te responder quando você precisava, e por que ele deixava sempre pra te responder só quando precisava de você? E você se pergunta como pode alguém te dizer que você sumiu, quando todas as mensagens que você enviou e as tantas ligações você fez sequer foram respondidas por essa pessoa. Realmente, ficar em segundo plano cansa. Perder tempo com quem sempre te deixa pra depois, também cansa. Melhor mesmo é sumir que insistir em aparecer pra alguém que sequer te nota.
Ele não se interessa pelos seus sonhos, não tá nem aí pros seus planos. Quando ele te manda um ”e aí, sumida?” ele só quer ter a certeza de que você estará lá, esperando por ele. Ele só tá querendo que você volte a puxar o saco dele, enquanto ele alimenta o seu ego, porque se ele quisesse ter você sempre por perto, ele não te deixaria sumir.   Um ”E aí, sumida?” funciona mais ou menos como um despertador que ele deixa em modo de soneca, enquanto investe em outra pessoa. Você, é o despertador que sempre aparece e ele ignora, deixa pra depois, adia. Quando ele acha conveniente te procurar, ele retorna pra você, e quando finalmente percebe que você não está mais despertando pra ele, ele te manda um ”e aí, sumida?”. Se for questionado, ele usa o clássico: ”ando trabalhando muito/mal tenho tempo/não vi suas mensagens”. Entenda que quando você é prioridade, não existe ”e aí sumida”, porque por mais que o outro tenha uma rotina cansativa, sempre vai existir um espaço e um tempo pra você.
Sabe o que aquele ”e aí, sumida” quis dizer? Quis dizer que ele só resolveu te procurar porque percebeu que você não o procuraria mais, que você tinha se cansado de ser sempre a quem corre atrás, sempre quem liga, se importa e pede explicações. Aquele ”e aí, sumida” quis dizer que ele não quer saber como você está, o que pretende fazer ou quais os seus planos. Ele tá pouco se importando pra sua vida e tudo que ele quer, é entender como você conseguiu se cansar dele. Porque no final das contas ele só queria que você estivesse ali quando ele precisasse, ele só queria se gabar com os amigos por você ser só mais uma que insistia por ele. Ele só queria que você estivesse disponível no tempo dele. Aquele ”e aí, sumida” foi pra te confundir, menina! Pra que você voltasse a esquecer de si e enchesse a caixa de entrada dele de mensagens enquanto ele achava graça do outro lado. Foi só pra saber se você ainda respondia prontamente. Aquele ”e aí, sumida” quis dizer que ele não pensa em você, que não tem saudades de você. Aquela mensagem era só pra te dizer que ele queria que você continuasse no pé dele, só queria te ter na palma das mãos dele, brincar com seu tempo e atrasar só um pouquinho a sua vida. Até que você cansa de se contentar com um ”e aí, sumida” e some de vez.
FONTEIandê Albuquerque
COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS