O que aconteceria se ele trocasse todas as mulheres por apenas uma

E se ele trocasse todas aquelas mulheres por uma apenas, que louco seria? Trocar todas as mesmas apresentações sobre quem ele é e o que faz da vida, para contar para uma pessoa apenas como foi seu dia. Não responder dezenas de vezes quantos anos tem, ou onde seus pais moram, mas vê-la rir porque até sua barba já está branca e, quando visita seus pais no natal, tê-la em sua companhia.

Que louco seria se o perfume dela não ficasse preso apenas no banco do passageiro quando ele se despede e a deixa em casa, mas que o cheiro dela se espalhasse nas toalhas de banho, no travesseiro e na camisa do trabalho pela manhã.

E se ele trocasse as parceiras só de balada pela companheira também de netflix? A que também é chef gourmet do prato que aprendeu no Youtube, perita no Waze e organizadora dos eventos mais ciladas que alguém pode se meter. Que louco seria se ela, que pareceu tão intelectual no primeiro encontro, começasse a contar as suas piadas sem graça porque agora se sente a vontade ao lado dele. Que ela pudesse se abrir como jamais faria se ele já tivesse desistido.

Que louco seria se uma das escovas de dentes, aquela rosa de menina, fosse dela e ficasse ao lado da dele. E se os check-ins entre eles começassem a se repetir, as fotos também. Seria louco a cidade que ele deixaria pra trás, mas consegue ver o mundo que se abriria a sua frente?

Ele pode até achar tudo isso realmente louco demais e desistir da ideia. Mas caso faça sentido, e ele a queira e ninguém mais, então, de tudo que está prestes a aprender, primeiro aprenderá como é ter alguém para chamar de seu. Afinal, que louco seria se ela não tivesse só um lugar nos contatos dele, mas também na sua vida?

TEXTO DECélio Heitor
COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS