O pior e mais feliz casal do mundo

A gente tem tudo pra dar errado. Absolutamente tudo. Em uma lista de compatibilidade com todas as pessoas que você já ficou, eu ficaria atrás de bêbados que você ficou só uma vez e ex-presidiários que você pode ter ficado em uma noitada sem saber do passado deles. E a recíproca é verdadeira. A gente tem tudo e mais um pouco pra dar errado. Somos dois grossos, irritadiços, queremos estar sempre certos, perdemos a cabeça com facilidade, somos impulsivos, somos ciumentos (eu sempre fui, você ficou agora), nos ofendemos com facilidade, e isso tudo foi só o que eu lembrei de cabeça agora à uma da manhã.

Tudo o que a gente se dá bem nas brincadeiras, em gostos e hobbies, a gente se dá mal quando brigamos e discutimos. Em poucos meses juntos nós já brigamos mais do que já brigamos com todos os nossos ex juntos – e olha que eu já tive nove ex-namoradas, três bem brigonas. Sua impulsividade te faz terminar a conversa, sair de perto e seu orgulho não te deixa me procurar de novo, me dando a impressão de que, se eu não te procurar, nunca mais vamos nos falar. Minha impulsividade faz não querer te ver nunca mais às vezes, quando brigamos, mas a minha falta de orgulho obtida com a idade faz com que essa vontade dure muito pouco, e logo eu me arrependo das bobagens que eu falo e te ligo. Você sempre atende disposta a esquecer tudo, sem o rancor que é uma das minhas maiores caraterísticas.

Nós não somos um casal de novela, que tem tudo em comum e não briga nunca. Nós não somos como os namorados das suas amigas, que parecem irmãos de tanto que se dão bem. Nós não somos assim. Nós temos tudo pra dar errado, as apostas contra a gente devem pagar mais do que uma luta minha contra o Anderson Silva. Mas nós não vamos dar errado. Porque nós não vamos deixar. Eu já briguei muito mais que isso por pessoas que eu sabia que não valeriam a pena – e não valeram, no fim. Eu já briguei muito mais que isso pra tentar resolver problemas que não tinham solução. Eu já engoli meu orgulho por pessoas que me amavam e se preocupavam comigo muito menos do que você me ama e se preocupa. Por isso a gente não vai dar errado. Porque nós não vamos deixar.

Eu vou tentar até não poder mais. Você é a pessoa mais incrível que eu já conheci, de várias maneiras diferentes. Ninguém nunca me tratou tão bem e me amou tanto quanto você me trata e me ama. Ninguém nunca pareceu ter tanta vontade de me agradar e me fazer feliz como você. E é por isso que nós vamos dar certo. Nós só não vamos dar certo se você não quiser. Aí eu tiro meu time de campo e só tenho que torcer para que você seja infeliz, miserável e solitária sem mim, até perceber que me quer de volta. E se não perceber, torcer para que você seja feliz sem mim. Um pouquinho só, mas feliz. Mas nós vamos dar certo exatamente por isso: nós dois somos muito mais legais e felizes juntos. Sem mim, você não é tão engraçada e é muito mais enfezadinha e briguenta. Sem você eu sou muito mais chato, ranzinza e menos calmo e tranquilo. Nós podemos até ser o pior casal do mundo, mas nós vamos ser o pior casal mais feliz do mundo.

Fonte: Léo Luz

COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS