Não permita que os pensamentos destrutivos o limitem

A medida que evoluímos na vida, criamos uma estrutura mental de acordo com as nossas experiências e a educação que recebemos desde pequenos. O entorno e as suas pessoas próximas podem ter condicionado muito a forma como você vê o mundo. Os pensamentos destrutivos nada mais são do que um hábito aprendido, que com perseverança pode ser superado e possibilitar um ganho na qualidade de vida.

As pessoas do seu entorno podem ou não influenciar os seus pensamentos: depende de você lhes dar permissão ou não para isto. Você é o dono dos seus pensamentos e só você tem a chave para abrir ou fechar essa porta.

Lembre-se de que além das suas experiências e do que acontece na sua vida, você é o seu jeito de pensar e sentir esse mundo.

Os pensamentos destrutivos podem aparecer a qualquer momento

Atualmente e em função de toda a informação a que temos acesso e a facilidade para falar com muitas pessoas, é mais fácil ter uma mente desorganizada, e até mesmo as pessoas mais sadias emocionalmente podem vir a ter pensamentos destrutivos.

Qualquer pessoa que tenha pensamentos destrutivos sabe como eles fazem a gente se sentir mal, e inclusive como podem chegar a distorcer a realidade. Neste sentido, é muito importante conhecer alguns pensamentos destrutivos muito comuns para aprender a deixá-los de lado e não lhes dar atenção.

“Não existe nada bom ou ruim em si mesmo, é o próprio pensamento que o transforma.”

– Hamlet –

A vida não é branco ou preto, mas tem muitos tons!

Um dos pensamentos destrutivos muito comuns e que é um grande limitador é que não existem diferentes tons nesta vida, que as coisas só podem ser em branco ou preto. A verdade (por sorte) é que a vida está cheia de nuances e cores que a tornam especial e flexível.

Pensar que tudo é branco ou preto pode aumentar os conflitos com as pessoas porque, normalmente, quem pensa deste jeito se torna muito inflexível para ver todas as possibilidades das atitudes dos outros (e de si mesmo).

  • Como é possível melhorar esse pensamento destrutivo? Para conseguir isto é preciso refletir sobre este pensamento em especial, dar um passo para trás e olhá-lo à distância. Pergunte a outras pessoas o que opinam disto e pergunte a si mesmo se esse pensamento é a verdade absoluta ou não… certamente você irá perceber que existem outras formas de fazer as coisas.

A vida não é perfeita

“Sempre existe algum problema nas coisas que acontecem”. Este pensamento destrutivo sem dúvida é pessimista, porque as pessoas com uma tendência a ter estes pensamentos sempre encontrarão defeito em tudo. Não existe nada perfeito! Acontece que é muito fácil ser negativo.

Felizmente, na nossa realidade não existe nada perfeito, acontece que precisamos aprender e nos nutrir destas imperfeições… é a beleza da realidade que nos faz crescer como pessoas.

  • Como é possível afastar esse pensamento destrutivo? Na vida, mesmo quando existirem problemas, você sempre poderá encontrar a solução das coisas para se sentir melhor. De modo que se você é daquelas pessoas que só enxergam problemas e pega tudo para si, leve esta frase para a sua mente: “Está tudo bem, isso também vai passar”.
“As pessoas que pensam que não são capazes de fazer alguma coisa não o farão nunca, mesmo que tenham as aptidões para isso.”
– Indira Gandhi –

A inveja de querer ter o que os outros têm

“Eu também quero isso”. Este é um dos pensamentos destrutivos que permitem enxergar a inveja das pessoas para com outras. Sentir inveja é um claro sinal de que a pessoa que a padece sente insegurança e, além disso, frustração.

A inveja é um sentimento que começa por roer a alma, amarga a visão da própria vida e o que é pior… você sente que algo dentro de você começa a se dilacerar por você não ter ou ser como o outro.

  • Como é possível se afastar desse pensamento destrutivo? Se você é uma pessoa que costuma sentir inveja, primeiro deverá se conscientizar de que isso não é bom para a sua saúde. É muito negativismo que só vai fazer você se sentir mal e pode chegar ao ponto de adoecê-lo.

Em vez de comparar o que você tem agora com o que os outros têm, simplesmente pense em como você estava há um tempo atrás e em como você evoluiu até agora. A vida é como uma escada, e sempre haverá alguém acima de nós… mas também abaixo.

“Muitas pessoas dão muito valor ao que não são e muito pouco ao que são. “
– Malcom Forbes –

Não sinta inveja dos outros, é muito melhor se sentir agradecido pelo que você tem, assim você poderá superar este sentimento e irá perceber quantas coisas existem na sua vida, para se sentir bem consigo mesmo e com tudo o que o rodeia.

FONTEA Mente É Maravilhosa
COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS