Eu quero viver uma história de amor com você, morena.

Nós nos conhecemos em um desses acasos bonitos quando duas vidas se esbarram e dois corações se gostam. Eu quis te desvendar aos poucos como quem lê um livro devagar porque não quer acabar cedo demais. Quis conhecer cada curva do seu corpo, cada pintinha escondida. Quis saber quais palavras sujas você diria no meu ouvido enquanto descobre cada pedacinho do meu corpo.

Eu quero principalmente saber quais são os seus defeitos e ver o quão bonitinha você deve ser com ciúme. Quero te ver brava com todas as injustiças desse mundo cruel e fazer carinho atrás da sua orelha quando a única coisa que você quer é um pouco de amor antes de dormir.

Não quero joguinhos, amor. Quero um sim ou um não. Quero sexo a noite inteira, mãos dadas e bilhetinhos apaixonados. E eu quero com você. Quero amar você. Quero que esteja disposta a enfrentar os dias ruins comigo.

Quero que sinta minha falta e fique louca pra me encontrar de novo. Quero ver seu sorriso se iluminar quando me ver e perceber como minha risada é mais gostosa e sincera quando é você quem me faz rir.

Também quero tardes com nossos amigos, nossas famílias e brincar com o seu cachorro. Quero dias só nossos, vendo o por do sol sentadas na grama fresca e sentindo que o tempo não existe mais. Seremos só nós duas dizendo “eu te amo” com os olhos e com a boca, principalmente com a boca.

FONTEAmor Ano Zero
TEXTO DETatiane Argenta
COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS