Ele não te quer. Será que é preciso desenhar?

Ele não te quer. Será que é preciso desenhar? Quando o cara tá afim, ele move montanhas, ele despenca sabe Deus de onde pra estar contigo. Ele pega dinheiro emprestado se não tem grana para o busão.

Ele adianta créditos com a operadora pra dizer que tá com saudade. Quando o cara quer, ele esquece todos os contatinhos e esquemas, ele te prioriza, te mostra pro mundo, faz questão de estar contigo sempre que é pra aproveitar o tempo juntinhos. Quando o cara tá na sua, não tem amigo colocando areia, não tem churrasco que você não possa ir e se entrosar. 

Não tem rotina corrida que impeça de vocês irem ao cinema na última sessão. Não tem chuva impedindo de sair de casa e não tem falta de assunto quando a vontade é de estar perto. Sai fora que isso não é vida. Desejar alguém que não quer o mesmo que você, é dar cabeçada na parede e tiro no pé. Levar adiante uma história que só favorece um lado é perda de tempo. É desperdiçar oportunidade com quem não merece o que você tem de melhor. 

Eu sei que é difícil se desligar de algo que te fez bem um dia. Mas é preciso aceitar que neste lance só você vem apostando. Quem quer arruma jeito, faz dar certo. Quem não quer inventa pretexto, culpa o universo, os cosmos e até a Deus por vocês não terem dado certo um dia. 
Escrito por Rogério Oliveira

COMPARTILHAR


RECOMENDAMOS







COMENTÁRIOS