E se eu não conseguir te esperar?

Se coloca no meu lugar.
Pensa como seria pra você ouvir tudo o que me disse. Tenta dizer as mesmas coisas pro meu coração e faça ele se acalmar como você deseja que eu me acalme.
Eu não quero julgar suas escolhas e o tempo que precisa para tomar decisões, o problema é que esse tempo influencia a minha vida; tuas escolhas refletem nas minhas. Pelo jeito que disse, sua vontade é de me fazer te esperar, me fazer esperar a sua hora para decidir e fazer as coisas acontecerem. O discurso é honesto mas nem um pouco justo.

Eu não sei até quando eu vou ter paciência para te dar.
E vai ver você ainda não percebeu que o que pode acontecer é algo muito maior para nós dois: eu posso me cansar e decidir por nós que o melhor para nós dois é uma vida sem dois.

Já passou pela sua cabeça que eu posso ser só uma passagem pela sua vida?

Eu sei muito bem que eu disser para justificar o meu lado pode parecer pressão sobre o seu, mas eu conto com a sua consciência em conseguir separar as coisas e entender que tenho meu direito de sofrer com certas decisões ou pela falta delas.

Eu tenho medo de você demorar pra pensar,  e o tempo que deseja me fazer esperar ser também o responsável por me levar pra longe de você. Tenho medo de tudo isso que controlo para viver com você se transformar em uma vontade fácil de se esquecer, feito desejo louco de comer chocolate só por comer e não por querer.

E se eu não conseguir te esperar?
Se o tempo que eu denifir para nós dois for menor que o tempo que imaginava?
Se eu me cansar disso tudo, me cansar até mesmo de gostar de você e da noite pro dia, assim como a vida é, passar a sentir preguiça do seu jeito de levar a vida?

Eu não quero te desanimar, nem muito menos te ameaçar.
Mas eu quero que conheça meus receios. Quero que enxerga outras possibilidades que vão além das que imagina. Quero que considere o fato de você querer algo que eu não quero mais.
Não tenho conselho para te dar e, nem que eu tivesse, não te daria. Eu não quero te influenciar a decidir pelo meu querer, quero que escolha o que pensa ser o melhor pra você. Se eu tiver um lugar guardado na sua vida pra ficar, acredite, eu vou comemorar. Se eu, no entanto, for só uma memória daquelas boas de colecionar, vou aceitar e me conformar.

As coisas raramente acontece do jeito que esperamos, elas acontecem do jeito que precisamos. É nessa consciência que acalmo a minha alma na tentativa de enganar meu desejo em te beijar quando sinto vontade; na tentativa de controlar meu desejo de te ligar pra perguntar como foi o seu dia.

Então eu vou me afastar.
Vou dar para você o mesmo tempo que darei pra mim, aí a vida vai acontecer do jeito que for melhor pra gente. Talvez voltaremos a conversar para celebrar um começo ou talvez este seja o começo do nosso fim. Não dá pra ter certeza.
Eu sei que gosto de você, só não sei se consigo te esperar gostar também.
——————————————————

Abaixo, um vídeo muito especial que fiz para todos vocês que leem estes textos.

 

___________

Escrito por Márcio Rodrigues

Publicado por Um travesseiro para dois

COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS