Depois de você

Esses dias encontrei umas fotos antigas.
Me vi nas fotos, sabia que era eu ali, mas senti que não era mais o mesmo.
Eu não me reconhecia mais, e isso era ótimo.
Eu mudei bastante depois de você.

Depois de você eu aprendi a cuidar mais de mim.
Aprendi a pensar mais em mim primeiro.
Aprendi que a prioridade tem que ser cuidar da minha felicidade.
E aprendi que só dependo de mim pra ser feliz.

Depois de você eu voltei a fazer as coisas que gosto.
Me senti bem idiota por ter parado.
Mas não te culpo, a culpa é minha por ter aceitado suas censuras.
E não penso mais em parar de fazer o que amo.

Depois de você eu retomei contato com os amigos.
Lembra que você não gostava deles?
Pois eles ainda gostam de mim e me abraçaram quando fiquei mal.
E você me ensinou a nunca mais deixar alguém me separar deles.

Depois de você eu viajei bastante.
Eu conheci lugares incríveis que você nunca iria querer ir.
Eu comi pratos que você não comeria por ser enjoada.
E seu jeito resmungona não fez falta, nem um pouco.

Depois de você eu conheci muita gente.
Gente legal, gente chata, gente inteligente e gente esquisita.
Gente passageira e gente que já marcou minha vida.
E o mais legal? Nenhuma delas me lembra você.

Depois de você eu comecei a sair mais.
Comecei a sair daquela nossa rotina engessada.
Curti minha própria companhia mais vezes.
E tenho fotos mais felizes.

Mas principalmente, depois de você eu voltei a ser eu mesmo.
Numa mistura de resgate e renovação, me reinventei.
Voltei a correr atrás dos meus sonhos.
E hoje sou incuravelmente mais feliz.

Entre a gente não deu errado.
Deu certo durante o tempo exato que tinha que dar, e acabou.
Agora eu movo meus planos para outro lugar, e para outra pessoa.
Mas agradeço pelo que tivemos, sem remorsos.

Então, obrigado!
Foram momentos bons, momentos ruins.
Você, meio que sem querer, me ensinou bastante.
E hoje eu tô muito melhor.
Depois de você.

 

FONTEDeu Ruim
TEXTO DEHudson Baroni
COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS