Afaste-se das pessoas dramáticas

Porque existem pessoas que adoram um “drama?”

Não há dúvida de que existem ao nosso redor muitas pessoas que adoram falar e criticar a vida alheia.

O tédio, a falta de objetivos e interesses, juntamente com a falta de prazer, fazem com que a vida alheia seja mais interessante do que as suas próprias vidas.

“Muitas vezes, permitimos que participem do nosso círculo de amizades pessoas fofoqueiras, invejosas, autoritárias, psicopatas, orgulhosas, medíocres, enfim, pessoas tóxicas que avaliam permanentemente o que fazemos e o que dizemos, e também o que não fizemos e nem dissemos”.
– Bernardo Stamateas –

Afaste-se das pessoas dramáticas

Talvez todos nós já tenhamos tido esse tipo de comportamento algumas vezes; o problema é quando ele se torna um “modo de vida” para muitas pessoas.

Por que ficamos cercados de pessoas dramáticas?

Na maioria dos casos, não escolhemos ficar cercados por essas pessoas, como um cão escolhe um dono que o maltrata. É simplesmente uma loteria, um acaso neste jogo da vida.

Eles podem estar presentes na nossa vida desde a infância, ser nossos colegas de escola ou nosso chefe no trabalho. Pode ser um deles ou todos de uma vez. De qualquer maneira, nunca se culpe por esses “encontros”.

escada espiral

Declarações como “semelhante atrai semelhante” são muito relativas. As pessoas são como são, e em alguns casos não temos opção, senão deixá-las fazerem parte da nossa vida. Mas, deixar ocupar um espaço em nossas vidas é diferente de compartilhar a vida com elas.

Como evitar que transformem sua vida em um drama

A solução é um afastamento gradual. A cordialidade, o respeito e a distância emocional são as suas melhores armas.

Convença-se de que o afastamento é a melhor solução. Essas pessoas são contagiosas e não nos trazem nada de bom. A vida é feita de decisões; é preciso conhecer bem o outro para decidir quem permanece na nossa vida ou não.

Para ser feliz é preciso tomar decisões objetivamente e sem remorsos. A prioridade é o seu bem-estar emocional e o das pessoas do seu convívio. Portanto, a melhor solução é ficar longe de pessoas dramáticas.

Mantenha-se alerta em relação aos seguintes pontos

– Retomar conversas privadas passadas. Essa pessoa, que um dia ouviu o nosso desabafo, pode começar um jogo sujo ao perceber nosso incômodo a seu respeito. Lembre-se de que só você pode deixar que isso lhe afete.

– Criar um mal-entendido entre você e as pessoas do seu convívio. Não dê atenção ao que as pessoas dramáticas dizem a respeito das pessoas presentes em seu entorno.

– Não importa o grau de parentesco que tenha: mãe/filha, esposo/a, sócio/a; não permita que falem por você. Cada pessoa tem a sua individualidade e seu mundo interior.

Afaste-se das pessoas dramáticas

Existem pessoas que passam pela nossa vida para nos dar um exemplo de como não devemos agir, e o distanciamento é a melhor opção. Esse afastamento será benéfico para sua saúde mental e física.

As pessoas dramáticas são como uma sombra em sua vida. Uma sombra que, graças a sua intuição, não conseguiu apagar a sua luz.

Texto original em espanhol de Cristina Roda Rivera.

FONTEA Mente É Maravilhosa
COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS