Abaixa a bola, cara. Você não é tão irresistível assim

A culpa é nossa.

A culpa é toda nossa.

Fazer cafuné não pode porque vai tirar o gel, a blusa passada pela mamãe tá dobrada na manga de um jeito bizarro. Seria esse o novo jeito de dobrar blusas? Ando muito por fora da moda ultimamente, confesso. Queria terminar de beber a vodca da balada a caminho de casa, mas também não pode, jamais. Vai que pinga no estofado caramelo de couro e mancha? E, olhe bem, eu pensava que o problema todo era do coitado do vinho. Sorrio e aceno. Geralmente esse tipo de homem tem uma tatuagem em alguma parte do corpo que eles gostariam muito que as pessoas observassem. O braço para exaltar todo o esforço do supino, a canela se ele joga futebol aos domingos. Ai, meu Deus, tem um escorpião desenhado entre o fêmur e o ombro, corre! Esse é aquele que fica alisando a própria barriga antes de dormir.

Caras egocêntricos são bem caricatos e fáceis de encontrar, basta procurar um espelho no ambiente pra saber onde ele vai estar. Engana-se muito quem pensa que esse tipo de rapaz é aquele que vai ficar contando vantagem sobre comprar o carro do ano, ou alguns detalhes da sua ida anual pro Spring Break. Não, esse tipo é outro. As pessoas mais egocêntricas pouco falam de suas vidas. Elas se acham boas demais para se exporem ao mundo.

Você não vai encontrar nenhuma selfie ou prato de comida em suas redes sociais, ele não gasta seu tempo a toa. Você, próxima menina a derrubar vodca no seu estofado de couro, não merece saber sobre a vida dele. Ele é visto frequentemente de mãos dadas com belas mulheres. Mas, também, como seria diferente? Ele é foda. Os amigos querem ser ele. As gatinhas querem ter ele. Mas dar moral para um cara desse tipo é mais brega do que aplaudir o pôr-do-sol em uma praia do nordeste.

Esse é aquele cara que dificilmente vai ligar no dia seguinte, mas para os amigos, não, ele é um amigão, sempre tem tempo. Para a família nem tanto. Ele trabalha muito, é empenhado, dá gosto de ver sua dedicação, mas na verdade só quer conquistar o sucesso logo. Afinal, quem mais poderia estar no topo a não ser ele?

Príncipe Harry? David Beckham? Justin Timberlake? Quem são esses, meu amor? Você só os idolatra porque ainda não o conheceu pessoalmente.

Nós já saímos com diversos caras cheios de autoestima. E temos que dizer: eles quase são irresistíveis. A postura ereta, a voz imponente, a mão firme, por um segundo nos deixaram acreditar que ele realmente sabia o que estava fazendo.

Mas não sabiam.

Esse é o cara que tem certeza absoluta de que todas as mulheres precisam estar aos seus pés, inclusive e principalmente sua própria mãe. É provável que ele te deixe tomando uma cerveja sozinha na sexta feira a noite, porque prefere curtir a própria companhia. É provável que ele jamais queira saber como foi o seu dia, porque ele tem coisa mais importante para resolver naquele momento. Os egocêntricos vivem apenas para eles mesmos. Não admitem estarem errados, não admitem ouvir nãos e não admitem serem rejeitados.

Mas a culpa é nossa. Procuramos pessoas seguras para suprir uma insegurança própria. Damos o reforço positivo. Enquanto ele conta aquela piada horrorosa pela décima quinta vez na frente do avô, damos uma risadinha. Enquanto ele simula uma britadeira na cama, fingimos um orgasmo. Enquanto ele fala sobre os próprios problemas, escutamos com atenção. Já sabendo que uma pessoa segura demais não gosta de ser contrariada, então, simplesmente, não contrariamos.

Quantas pessoas ai já tiveram coragem de dizer para um cara que se achava super fodona, na cara dele, o quanto ele é um merda?

Acho que poucas, porque na maioria das vezes acreditamos que essa pessoa é tudo aquilo que ela pensa ser. Autoconfiança é um raio laser poderoso. Cega não só quem o usa, como todos que estão a sua volta.

Mas, olha. Você não precisa de um cara que se acha foda. Você precisa de um cara foda. Existe um abismo enorme e perigosíssimo entre os dois.

pss: mas se estiver muito difícil convencê-lo de que ele não é a pessoa maravilhosa que acha que é, esfregue rapidinho uma foto do Jonas Sulzbach pelado na cara dele.

COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS