A humildade não se prega, se pratica

Eu não gosto de pessoas que pregam a importância de reconhecer suas limitações, mas acreditam que são melhores que os outros. Também não gosto daquelas pessoas que ostentam suas virtudes como se não houvesse outra coisa no mundo.

Essa humildade falsa existe só na aparência e se movimenta com superioridade por onde passa. Provoca rejeição quando conseguimos percebê-la de maneira consciente.

Se você acredita que é muito grande para as pequenas coisas, talvez seja muito pequeno para as grandes coisas.

O que é ser humilde

Ser humilde não é sentir-se inferior aos outros, submeter-se ou render-se. As pessoas humildes não são vulneráveis simplesmente porque conhecem as suas limitações, as aceitam e convivem harmoniosamente. As suas virtudes são reconhecidas pelas suas ações e não por suas palavras.

No entanto, uma pessoa arrogante não consegue dormir à noite porque seus sentimentos negativos atrapalham o seu descanso. A raiva e o ressentimento são uma parte terrível de sua vida.

Admita os seus erros

Ser humilde é não se deixar abater e admitir nossos erros, ser inteligente para aprender com eles e maduro o suficiente para corrigi-los. No entanto, a arrogância nos faz tropeçar, fechar portas e nos impede de seguir em frente.

“O que a humildade não pode exigir de mim é a minha submissão à arrogância e ao destempero de quem me desrespeita. O que a humildade exige de mim quando não posso reagir à altura da afronta, é enfrentá-la com dignidade”
-Paulo Freire- 

A falta de humildade é uma característica das pessoas que pensam apenas em si mesmas e se sentem superiores ou melhores do que os outros. São invejosas e não conseguem valorizar as virtudes alheias.

A falta de humildade provoca uma certa rejeição social consciente ou inconsciente; o orgulho gera solidão. Ainda que de forma sutil, o egoísmo nos desagrada.

Alguém que se vangloria de forma exagerada é muito cansativo e afronta a autoestima dos outros. Por isso, a avaliação que fazemos de nós mesmos e o reconhecimento das pessoas são muito gratificantes.

A humildade exige um treinamento diário. É muito fácil acreditar que somos melhores ou mais capazes que os outros para fazer alguma coisa, pensar que os nossos valores são melhores ou mais corretos.

Quando a falsa humildade é um defeito leve, demoramos para perceber que caímos nessa armadilha. Não conseguimos reconhecer o que existe em nós mesmos que de alguma forma julgamos superior.

A humildade derrota a inveja e eleva a bondade

É fácil acreditar e admirar o que é simples. Admiramos a amabilidade, a dignidade e as qualidades de uma pessoa. A humildade nos torna justos e grandes, pois nos ajuda a compreender os nossos limites e perceber o que ainda precisamos aprender.

A prática da humildade é um exercício diário, porque nos ajuda a escutar e compartilhar silêncios, a ser próximo e sincero com as pessoas ao nosso redor. Assim, nos transformamos em pessoas melhores, enquanto conseguimos tocar os outros com nossos gestos e sorrisos.

A humildade é a base de toda grandeza, porque para crescer é preciso primeiro saber que somos pequenos. Ser humilde é ser sincero e eliminar da nossa vida tudo o que é superficial, para garantir nosso bem-estar emocional…
Compartilhar
FONTEA Mente É Maravilhosa
COMPARTILHAR





COMENTÁRIOS